Os programas de edição de áudio são sistemas de extrema importância para qualquer profissional que esteja envolvido no mercado audiovisual. Desde youtubers a radialistas e donos de radiodifusora, a ferramenta é requisito básico para um bom trabalho.

Se você tem interesse em ser proprietário de um desses canais deve saber os instrumentos necessários para ter uma emissora de sucesso. Computador, serviços de streaming de rádio, fone de ouvido e microfones devem andar de mãos dadas com esses softwares.

Este artigo tem como objetivo principal ser um guia sobre esses sistemas. Descubra aqui qual a sua real importância, os benefícios, os erros que não devem ser cometidos e como aproveitar ao máximo os recursos oferecidos.

Ao final, receba dicas úteis sobre a edição de áudio e quais os melhores programas disponíveis na internet para que você possa oferecer o melhor trabalho. Boa leitura!

Por que os programas de edição de áudio são importantes?

Quem trabalha com produção musical deve estar sempre atualizado com as novas tecnologias. Prova disso são as estruturas milionárias dos grandes estúdios e das gravadoras mais famosas, que hoje em dia podem ser substituídas por alguns computadores e programas de edição de áudio eficiente.

Não seria diferente para quem sonha em ter sua própria emissora de rádio on-line. Oferecer um conteúdo sonoro de qualidade é um dos elementos cruciais para obter sucesso e poder monetizar o negócio, e o uso de um bom software é fundamental para que isso aconteça.

Faz parte do sucesso de uma rádio a criação de vinhetas e posts personalizados, manter um padrão de qualidade e utilizar os mesmos recursos que os grandes canais de comunicação propõem em sua programação, como soltar trechos de música indicando um grande lançamento do segmento proposto.

Para que tudo isso seja feito mantendo o profissionalismo, certamente você precisa contar com os recursos de sistema para editar os arquivos de som que irão ao ar.

Quais benefícios podem trazer para o dia a dia?

Com a facilidade de recursos, muita gente está produzindo por conta própria suas músicas, podcasts e vídeos. Se você está pensando em investir em um programa de rádio próprio, não pode deixar essa funcionalidade de lado.

Mencionamos no tópico anterior que manter a boa qualidade do áudio que vai ao ar é fundamental para que a sua emissora seja um sucesso e você possa monetizar a atividade. Os retoques finais possibilitados por esses programas servem para eliminar sons indesejados e valorizar os arquivos com efeitos que fazem toda a diferença no produto final.

As funcionalidades desse tipo de software permitem que você ofereça seus serviços — não só em publicidade — para empresas dos mais diferentes segmentos. Isso porque você pode vender os serviços de rádio on-line para as empresas oferecendo um canal de comunicação entre a organização e os colaboradores. Ou seja: os seus rendimentos não precisam se limitar a um canal amador.

Com quais segmentos se pode trabalhar?

Já que estamos tratando de benefícios financeiros, nada mais justo que dar uma pequena ajuda para o seu novo negócio, apresentando as alternativas existentes para que você possa faturar mais. Vamos iniciar com o segmento corporativo, exposto acima.

Rádio corporativa

Ha duas maneiras de trabalhar com as rádios corporativas. A primeira é proporcionando um canal de comunicação entre os gestores e seus trabalhadores. A outra é fornecendo uma trilha sonora para o ambiente.

Empresas preocupadas com seu crescimento não negligenciam as estratégias de comunicação interna. Uma web rádio pode transmitir comunicados importantes durante o expediente, anunciar colaboradores que precisam se locomover de um setor para outro, indicar que pessoas os esperam em determinados locais e, ainda, fornecer som ambiente para melhorar o clima organizacional.

As lojas também podem contratar esse serviço e usufruir dos benefícios. A trilha sonora certa pode proporcionar as sensações exatas que um cliente precisa para provar roupas e decidir pela compra, diminuindo a euforia e aumentando o tempo de permanência no local, além de tornar o momento mais agradável.

Rádio gospel

A música gospel vem ganhando cada vez mais adeptos e tem um público bastante fiel. O fato de as web rádios serem instrumentos de comunicação de baixo custo proporciona que até mesmo igrejas e templos com verba reduzida tenham o seu próprio canal.

Dessa forma, os fiéis podem ouvir os louvores e ficar por dentro da programação de sua igreja a qualquer hora e em qualquer local, bastando ter acesso à internet. A popularização dos smartphones ajuda bastante nessa etapa, pois os indivíduos estão cada mais familiarizados com a tecnologia.

Além disso, aqueles que não podem comparecer às cerimônias conseguem ouvir missas e cultos de sua própria casa.

Rádio para academia

As academias também são lugares propícios para que você ofereça os seus serviços de radialista virtual. Além de fornecer música ambiente, você também pode vender espaços publicitários, sendo uma vantagem para os donos do estabelecimento.

Muitos não se preocupam com a programação musical, o que pode deixar os alunos irritados por tocar sempre a mesma coisa. Ao mesmo tempo, uma rádio convencional não é opção por ter comerciais que não condizem com o ambiente ou não proporcionar o estilo adequado.

Tanto você quanto o proprietário podem ganhar com os anúncios, além de anunciar os produtos da própria marca. Além disso, o início das aulas pode ser anunciado por meio da rede, e comunicados sobre alterações de horários ou novos pacotes promocionais podem ser veiculados.

Quais as principais funcionalidades?

Os programas de edição de áudio contemplam diversas funcionalidades, mas podemos destacar as básicas:

  • cortar, copiar e colar trechos de música ou arquivos de áudio;
  • mixar faixas;
  • remover ruídos e outros barulhos indesejados, aumentando a qualidade;
  • aplicar efeitos variados;
  • converter os arquivos para outros formatos de áudio.

A edição de áudio também permite que sejam feitas as adequações necessárias para que o conteúdo atinja o tempo de duração específico, ferramenta muito útil para vinhetas, programetes e anúncios publicitários.

Os estúdios virtuais têm outra importante arma para você se aventurar ainda mais no mercado da música. Alguns programas de edição de áudio disponibilizam sintetizadores virtuais para criar qualquer tipo de som com qualidade impecável e fidelidade quanto à real melodia daquele instrumento. Por exemplo, você pode fazer uma introdução em piano para um anunciante!

Mas, atenção: para usufruir de todas essas funcionalidades, é necessário que você dedique um tempo para ler tutoriais na internet, explorar esses softwares e assim extrair o que de melhor e mais inovador eles têm para oferecer.

Quais os principais softwares?

Nem todos aqueles que pretendem investir no mundo da música estão dispostos a gastar uma fortuna com equipamentos profissionais de edição. Se você se enquadra nessa questão temos uma boa notícia!

Existem diversas ferramentas na web que proporcionam a edição de som com a mesma qualidade dos aparelhos profissionais, a um custo baixíssimo ou inexistente. Confira agora a lista que preparamos para você. Leia com atenção e escolha a melhor alternativa!

1. Audacity

O Audacity pode ser considerado um clássico quando se trata de programas de edição de áudio. O sistema, capaz de rodar em Windows, Mac ou Linux, funciona de forma gratuita. Isso mesmo, você não precisa comprar a licença do programa.

A simplicidade na sua interface e na maneira de usar é um dos elementos responsáveis pela sua fama, porque quem está iniciando na arte de editar música consegue utilizar o programa sem precisar ser um expert no assunto. Ele permite:

  • importar áudios no formato MP3, WAV, AIFF, OGG;
  • fazer a captação desses áudios diretamente no programa;
  • copiar, cortar e colar trechos dos arquivos de áudio;
  • mixar faixas;
  • aplicar efeitos sonoros.

A qualidade do som também pode ser alterada com esse software, já que é possível remover ruídos e fazer melhorias bastante significativas. Embora não apresente tudo o que um programa tem a capacidade de oferecer, podemos considerar que o Audacity concede 80% das funcionalidades dos programas mais complexos e pagos.

2. Sound Forge

O Sound Forge é mais um produto da Sony, a gigante do segmento de entretenimento e telecomunicações. O programa disponibiliza um período de 30 dias para testes sem custo, sendo cobrado após o término do prazo.

Pode não ser considerado o mais popular dos softwares com o objetivo de editar arquivos de áudio, mas podemos dizer que é o mais poderoso deles por fazer um trabalho impecável na restauração e design do som.

O programa também importa e exporta áudios nos formatos MP3, MP4, OGG, FLAC, AIFF, WAV, WMV e M4R, e o seu controle preciso de edição faz com que possa ser usado por amadores ou famosos produtores musicais.

3. Cutmp3

O Cutmp3 é o programa ideal para aqueles que não gostam de encher a memória do computador com arquivos lentos e pesados, e que são adeptos das metodologias mais simples, que não exijam muito tempo de trabalho nem longos treinamentos para aprender como usar.

A interface desse software é tão simples quanto o seu funcionamento, que é bastante objetivo em sua proposta: cortar os trechos dos arquivos de áudio sem recursos adicionais. As edições são realizadas on-line e o serviço é gratuito.

O download vale a pena se você desejar apenas cortar os arquivos, uma vez que é um programa leve e simples. O novo trecho selecionado não perde a qualidade.

4. Garageband

Quando pensamos em comprar um novo smartphone ou notebook, os produtos da Apple logo vêm à mente. A marca divide opiniões, tem uma infinidade de adeptos, mas também uma boa quantidade de críticas e, mesmo assim, todos acabam pesquisando sobre o valor e as funcionalidades de seus aparelhos.

A Apple desenvolveu um aplicativo para aqueles que desejam fazer gravações de áudio amadoras, baratas e descomplicadas: o Garageband, que pode ser utilizado em um iPad ou no iPhone.

Além de criar arquivos de áudio para serem reproduzidos via rádio e podcast, as suas ferramentas, que imitam instrumentos musicais, podem colaborar até mesmo no aprendizado de dispositivos como guitarra e piano!

O microfone permite a gravação de áudios variados e sons de instrumentos como o da guitarra elétrica. O aplicativo também reproduz e grava instrumentos em sistemas integrados, cria arranjos musicais, edita as gravações, adiciona efeitos e compartilha seus projetos com outras plataformas Apple.

5. Adobe Audition

O Adobe Audition é mais um dos programas de edição de áudio considerado poderosíssimo quanto ao que propõe. E, se você acha o nome Adobe familiar, saiba que estamos realmente falando da empresa que produz o superútil PDF e o famosíssimo Photoshop.

Claro, se os documentos e recursos visuais são manipulados com louvor, os arquivos de som não ficariam de fora. O programa permite que o usuário crie suas próprias músicas, mixe, grave e edite áudios. Consegue, também, apagar o áudio de um vídeo e até mesmo criar sons para serem usados em videogames e aplicativos!

O usuário, ao colar ou digitar um texto, gera uma narração ou faixa narrada hiper-realista, e o recurso é indicado para criar vozes de jogos, vídeos e produções sonoras. Ou seja: você pode usar livremente nos seus comerciais.

6. Sony Vegas

Outro produto da Sony na nossa lista, o Sony Vegas pode ser encontrado como editor de vídeo, mas suas ferramentas para edição de sons são bastante úteis. Isso ocorre porque, na origem, o software era destinado à edição e ao processamento de áudio. Só posteriormente foi transformado em seu formato atual.

É claro que o programa mantém suas características originais, e com ele é possível extrair o áudio de um vídeo, mixar, cortar os arquivos, gravar uma locução, aumentar o volume do som e a qualidade das músicas que você pretende divulgar na sua emissora.

7. Power Sound Editor

O Power Sound Editor é mais um dos programas de edição de áudio que apresenta uma lista de ferramentas integradas bastante satisfatória para gravar músicas, narrações e outros tipos de áudio, editar esses arquivos, misturar com outros sons, adicionar efeitos e até mesmo enviar esses documentos via e-mail.

A interface do software é bem organizada, uma vez que as funções são todas separadas a partir do seu objetivo.

O Power Sound Editor também conta com um suporte para conversão dos arquivos em formatos mais populares e ferramentas para a redução de ruídos e outras interferências. Além disso, o programa pode ser usado para a edição de vídeos.

8. Nuendo 8

O Nuendo 8 atende a todas as necessidades de produção, edição e captação de áudio, permitindo o trabalho em arquivos mais extensos e complexos, como a criação de uma trilha sonora ou de um podcast.

Uma das ferramentas disponíveis para facilitar a vida dos editores de áudio é uma espécie de histórico que salva os efeitos mais utilizados durante o trabalho, otimizando o tempo e facilitando as futuras edições.

O visual é moderno e simples, o que permite gravar diversas faixas em um só projeto, acrescentar efeitos para cada uma dessas faixas e alterar individualmente o tom desses áudios. Conta, ainda, com sons de diversos equipamentos musicais.

Principais erros de edição

Outro fator fundamental para que os programas da sua emissora tenham uma boa qualidade de áudio e sejam bem editados é saber o que não fazer durante a gravação e a edição! Conheça agora os erros mais comuns a fim de que você possa evitá-los:

Espaços entre falas

Saber o ritmo certo que a sua narração deve ter é fundamental para prender a atenção do ouvinte. Por isso, cuidado com a duração da pausa entre uma frase e outra!

Tente ser o menos dramático possível, mas tome cuidado para não transmitir uma mensagem robotizada.

Ruídos

Nem sempre os ruídos desagradáveis vêm de chiados ou interferências. Ventilador, teclado de computador, carros passando na rua também podem desviar a atenção de quem está ouvindo o podcast.

Escolha um local silencioso para as suas gravações ou um horário em que o ambiente esteja mais tranquilo.

Volume

Cuidado com o nivelamento do som. É importante que as músicas tocadas na programação ou as falas de diferentes participantes mantenham o mesmo tom. Caso faça uma entrevista ou receba convidados, cuide para que os microfones estejam nivelados.

As trilhas sonoras de fundo também merecem atenção especial. O mais importante é que a informação seja transmitida de forma nítida. Sendo assim, a trilha sonora não deve desviar a atenção do ouvinte nesse momento.

Efeitos sonoros

Cuidado para não se empolgar com o uso de efeitos sonoros! Eles devem ser usados com moderação e adequadamente.

O volume também deve ser medido, evitando uma explosão muito alta para não assustar os ouvintes ou estourar as caixinhas de som.

Dicas de edição de áudio

Não podemos finalizar este artigo sem antes fornecer algumas dicas e truques para uma edição de áudio bem-sucedida.

Se você está iniciando agora nesse mercado, aproveite o momento para criar o seu próprio manual de gravações e edições!

Entenda por que editar

Pode ser que você precise gravar um trecho mais de uma vez, seja por não ter gostado do resultado, seja simplesmente por desejar mais opções de escolha na hora de ir ao ar. Contudo, pode acontecer de gostar muito das informações passadas, mas o som ambiente não ter ficado legal.

Ruídos, alterações de volume e outras complicações não precisam, necessariamente, tornar-se motivo de descarte. Os programas de edição de áudio servem justamente para salvar um bom conteúdo e uma boa narração desses contratempos e, claro, valorizar a informação acrescentando uma trilha sonora adequada ou efeitos relevantes.

Verifique o sistema de gravação

Os seus equipamentos sempre devem ser testados antes de iniciar uma gravação ou entrada ao vivo.

Assim, você deve ler o texto como se estivesse gravando para valer, no mesmo volume e com as mesmas pausas, para acertar o tom do microfone. Fique atento aos picos de áudio, que não devem ultrapassar 0 dB.

Conheça o tom normal

Como você pode perceber pelas funcionalidades dos programas listados, é possível fazer uma gravação em níveis baixos e depois amplificar todo o áudio, normalizando automaticamente de 0 dB a –1 dB.

Contudo, mesmo que seja possível ajustar o áudio depois de gravado, você só deve realizar essas mudanças se estiver muito baixo. Fique atento para fazer as gravações respeitando esses níveis e realizar o mínimo de ajustes possível.

Evite comprimir a voz

Evite aplicar qualquer efeito que possa afetar a dinâmica ou a equalização do áudio. Embora editar um arquivo seja relativamente fácil, comprimir a voz é um processo mais complexo, que deve ser feito por uma empresa especializada.

Isso significa que o sentimento deve ser exposto na hora da narração, e não de forma mecanizada por meio da edição.

Ajuste o tempo

A compressão de tempo só deve ser usada caso todos os recursos tenham sido esgotados. Sendo assim, grave o seu texto no tempo exato, quantas vezes for necessário, até acertar o ritmo.

Aprenda a cortar os arquivos

Essa função costuma ser uma das menos complicadas nos programas de edição de áudio. Mesmo assim, procure tutoriais do software escolhido e faça testes com arquivos que não vão ar para pegar o jeito, aprender como consertar os possíveis erros e deixar o documento com a melhor qualidade que for possível.

Fique atento à respiração

Fazer pausas durante o texto melhora o tom de leitura e torna a experiência mais agradável para o ouvinte. O processo de inspirar e expirar humaniza o áudio e aproxima o locutor de seu público.

Nesse contexto, a remoção total das respirações deve ser evitada. Você pode cortar um pouco do espaço entre as frases, mas jamais eliminar essa pausa por completo. Ouça atentamente como ficou o arquivo após a edição, elimine o tom robótico e confie nos seus ouvidos!

Conhecer os programas de edição de áudio, o funcionamento de cada um e a sua importância para quem trabalha no mercado da música é fundamental para que essa empreitada seja bem-sucedida. Como você pôde perceber, a qualidade é fator imprescindível para obter sucesso e lucratividade.

E aí, gostou do nosso conteúdo sobre programas de edição de áudio? Já se sente preparado para investir na sua própria emissora? Então, assine a nossa newsletter e continue recebendo gratuitamente os melhores materiais para orientar essa jornada. Até breve!

Powered by Rock Convert
Bycast
Autor

Escreva um comentário